logo_mco_2023_200X75
logo_mco_120X45

Publicidade

Publicidade

Sesau promove segunda etapa do Curso de Sensibilização do Método Canguru para Residentes.

COMPARTILHE

No dia 4 de julho de 2024, a Secretaria de Estado de Saúde (Sesau) realizou a segunda etapa do I Curso de Sensibilização do Método Canguru para Residentes. O evento, organizado pela Supervisão Estadual de Cuidados à Mulher, Criança e Adolescente, teve lugar no auditório da Faculdade Estácio de Alagoas, localizada no bairro Jatiúca em Maceió.

Profissionais da área da Medicina e Enfermagem, que atuam em unidades neonatais, se reuniram para participar da iniciativa, que contou com a presença de 36 residentes da capital e do interior de Alagoas. Estes profissionais estão envolvidos em áreas como Neonatal, Pediátrica, Urgência e Emergência. A terceira e última etapa do curso está programada para acontecer na segunda-feira, dia 8, na Maternidade Escola Santa Mônica (MESM), no bairro Poço em Maceió.

O Método Canguru consiste no contato pele a pele da mãe com o bebê prematuro. Estudos têm mostrado que essa prática pode contribuir para o ganho de peso mais rápido, menor incidência de infecções e até mesmo a alta precoce dos bebês prematuros. Além disso, o Método Canguru tem demonstrado a redução da mortalidade infantil, o aumento da taxa de aleitamento materno e a melhoria dos escores de neurodesenvolvimento.

A médica Sirmani Frazão, da Supervisão de Cuidados à Mulher, Criança e Adolescente da Sesau, ressaltou a importância do Curso de Sensibilização do Método Canguru para Residentes. A ideia é capacitar os profissionais de saúde, promover a implementação eficaz do método e disseminar os seus benefícios nas unidades neonatais.

Para a médica residente em Pediatria, Bárbara Fonseca, a iniciativa é fundamental para ampliar o conhecimento sobre o Método Canguru entre os profissionais de saúde. Ela enfatizou que entender técnicas como essa pode salvar vidas, promover a humanização na assistência e demonstrar a eficácia de práticas simples, mas fundamentais no cuidado com os bebês prematuros.

O curso é uma oportunidade para os profissionais da área da saúde se atualizarem e se capacitarem para oferecer o melhor cuidado possível aos recém-nascidos prematuros, contribuindo assim para a melhoria dos índices de saúde neonatal.

Com informações e fotos da Sesau/AL

0

LIKE NA MATÉRIA

Publicidade