logo_mco_2023_200X75
logo_mco_120X45

Publicidade

Publicidade

Estudante do coração celebra recuperação após infarto durante atividade física no mar de Alagoas.

COMPARTILHE

No dia 27 de junho de 2024, o Hospital do Coração Alagoano teve um motivo especial para celebrar a recuperação de um de seus pacientes. Carlos André Santos da Silva, um estudante de educação física de 46 anos, sobreviveu a um infarto agudo do miocárdio durante uma atividade física na praia de Pajuçara. Após passar por uma revascularização do miocárdio, procedimento que melhorou o fluxo sanguíneo e de oxigênio para o coração, Carlos André comemora sua recuperação.

Segundo relatos, o incidente ocorreu em novembro do ano anterior, enquanto Carlos nadava no mar. Após sentir-se mal e receber os primeiros atendimentos na UPA, foi encaminhado para o Hospital do Coração Alagoano, onde passou por cirurgia e se recuperou com sucesso. A equipe médica foi fundamental nesse processo, e Carlos expressou sua gratidão pela qualidade do atendimento recebido.

O cardiologista Carlos Humberto Bezerra ressalta a importância da prática regular de exercícios físicos, mas também alerta para a necessidade de cuidados prévios. Ele destaca a avaliação pré-participação, um conjunto de exames que identificam possíveis problemas cardiovasculares, garantindo segurança ao paciente durante a atividade física. Manter os exames médicos em dia e buscar orientação profissional antes de iniciar ou retomar os exercícios é fundamental para evitar complicações de saúde.

Carlos também menciona que pessoas que pararam de praticar esportes por um tempo correm riscos ao tentar retomar as atividades de forma intensa. O corpo precisa de um tempo para readaptar-se aos esforços físicos, e forçar demais pode levar a complicações graves, especialmente para quem possui comorbidades como hipertensão, diabetes ou tabagismo.

Portanto, a história de Carlos André serve como um alerta e um exemplo de superação. Sua experiência ressalta a importância de cuidar da saúde cardiovascular e de consultar um médico antes de iniciar um novo regime de exercícios. A prevenção e a orientação profissional são essenciais para garantir a segurança e o bem-estar durante a prática esportiva.

Com informações e fotos da Sesau/AL

0

LIKE NA MATÉRIA

Publicidade